Living Will


 

No dia em que perde o seu animal de estimação, Will apercebe-se que já não lhe restam razões para viver. Ao longo dos seus oitenta e dois anos foi um homem de ligações fortes e de um grande amor, mas hoje o dia-a-dia é povoado por conversas fortuitas e memórias coleccionadas numa velha pasta cheia de desenhos, textos e recortes. É ao admirá-la uma última vez que decide qual vai ser o seu derradeiro desafio: acertar todas as pontas soltas que ficaram ao longo do seu percurso e não deixar nada por dizer. Morrer em paz será o seu último testamento. Mas cedo vai perceber que, na vida, entre o preto e o branco há toda uma variedade de cinzentos.”

Eis a sinopse de um dos livros que mais me tocou nos últimos tempos e que eu por preguiça só li meses depois de me ter sido oferecido. Depois de o ler só posso dizer: que vergonha não o ter feito antes.
Não sou uma fã assumida de banda desenhada nem percebo muito do assunto, mas tendo por trás do argumento o meu grande amigo André Oliveira e sabendo que a velhice é um assunto que sempre me tocou de forma especial decidi ler e ainda bem que o fiz. Mais do que ler o livro de um amigo, é sabermos que essa pessoa tem talento para dar e vender e que com o passar dos anos tem amadurecido muito a sua escrita, (vá o blogue Hora do Saguim continua ali naquele terreno da boa patetice que sabe sempre bem ler para desanuviar de dias chatos).

Quanto a este Living Will fala sobre a velhice, essa fase tão agridoce na vida de uma pessoa e que para mim será sempre um tema que me causará mix-feelings, muito por causa de toda a experiência que vivi com a minha avó, e ao ler a história de Will que decide aos 82 anos encerrar todas as pontas soltas antes de morrer, não deixou de me fazer pensar como teria sido se ela não tivesse ficado doente tão cedo, não tivesse ficado presa a uma doença que lhe tirou a total capacidade de comunicar e dizer o que lhe ia na alma, de encerrar a sua vida com nada por dizer.

E no fundo é isso mesmo que este Living Will procura mostrar, o quanto vivemos a nossa vida, presos a recordações e ao passado, e os dias, as semanas, os anos passam, pessoas entram e saem da nossa vida e quando efectivamente olhamos para trás acabamos por pensar será que vivemos a vida como deve ser. Quantos de nós já não ficaram com coisas por dizer? É como aquela velha história que ouvimos desde pequenos: Se te dissessem que irias morrer daqui a 3 dias o que farias?

Living Will é uma reflexão sobre a velhice e a solidão, é uma história que mostra que a vida passa rápido demais e que muitas vezes quando queremos realmente concertar certos assuntos já é demasiado tarde. É um livro com uma mensagem forte e que merece mais do que ser lido, ser sentido e interiorizado

Esta história de 7 volumes, tem o desenho de Joana Afonso, uma jovem ilustradora Portuguesa com um talento soberbo e tem a característica de cada volume ter apenas duas cores, o primeiro a preto e vermelho, o segundo já se sabe será a preto e azul.

Ao André que idealizou e está a dar vida a esta história o meu profundo agradecimento, este Living Will será sempre lido e acarinhado por mim de uma forma muito especial,

Para quem ficou curioso, o livro custa 2.95€ e podem comprar nos locais abaixo ou através de email. Não deixem de apoiar estes projectos nacionais que defendem a cultura no nosso país e não se deixam desanimar apesar da falta de apoios, o preço é bem simbólico.




6 comentários :

  1. Tenho que comprar este livro.
    Fiquei super interessada e gosto de apoiar o que é português.
    Beijinhos

    uglyfashionexperience.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. ah parece ser super interessante e amei o registo!! :)
    vou investigar isso!
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é mesmo muito. Se não conheceres as livrarias, podes encomendar por email, os portes são baratos :)

      Eliminar
  3. Uau, esse livro parece ser muito bom, temos verdadeiros talentos no nosso país. Tenho que procurar *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é maravilhoso Joana. Se não conheceres as livrarias, podes encomendar por email, os portes são baratos :)

      Eliminar