Overnight Oats


As overnight oats são a nova sensação do momento para quem procura uma alimentação saudável.
Preparadas na noite anterior, tornam-se o alimento perfeito para comer ao pequeno-almoço pois contêm imensos nutrientes que saciam e nos dão tudo o que necessitamos para a refeição mais importante do dia.

Descobri as overnights através de um blogue que já é um guia para mim o ouiouisaudavel, que nasceu da vontade da sua autora em adoptar uma alimentação mais cuidada. Aproveitem para o visitar porque tem sugestões maravilhosas para todas as fases do dia.  

Não há uma regra para as overnights, pode-se adicionar os produtos que queremos, brincar com cores, sabores e texturas, conjugar frutas e cereais sem grandes restrições, no entanto não convém juntar mais de duas frutas uma vez que como sabemos, a fruta também contém açúcar e hidratos.

Eu fiz a minha primeira overnight ontem e tenho a dizer que o pequeno-almoço de hoje foi uma agradável surpresa, e portanto irei com certeza repetir, até porque as overnights oats são uma excelente opção como pré-treino para quem como eu faz exercício de manhã. 

Os ingredientes que não podem faltar nas overnights são:
Aveia fina em flocos, iogurte grego com redução de gordura (podem usar outro, mas este é bom pela sua consistência) e sementes de chia para engrossar o iogurte.

A overnight oat que fiz levou na base aveia trabalhada com leite (3 colheres de aveia e 6 de leite magro), depois um pouco de iogurte com chia, banana, muesli, novamente iogurte, uvas e terminei com o iogurte novamente.

Convém fazer-se num frasco de vidro por causa das bactérias (eu aproveitei um frasco de doce que tinha terminado) e fechar sempre para que a fruta não oxide, de resto é dar largas à imaginação para um pequeno almoço diferente.



12 comentários :

  1. Tem um aspecto muito bom, é verdade.. Mas parece imenso!! Não é suposto comer isso tudo de uma vez pois nã? Ahaha

    http://allaboutmakemehappy.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece mais do que é na realidade, no entanto o pequeno almoço deve ser uma refeição bem composta. E sim é para comer tudo, até porque se deixas passar muito tempo a fruta oxida e já não fica bom.

      Eliminar
  2. Interessante!
    Tenho de experimentar, sou uma preguiçosa pela manhã e esta pode ser uma boa solução :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é óptimo para quem não tem mt tempo de manhã para preparar o pequeno almoço :-)

      Eliminar
  3. Que tem um óptimo aspecto lá isso é verdade. Fiquei muito curiosa porque me parece uma excelente opção para poupar tempo para a manhã seguinte. Vou espreitar o blog :)

    ResponderEliminar
  4. Awww que delícia Vânia *.*

    ResponderEliminar
  5. Não conhecia! Parece prático, para além de ser saudável. Obrigada pela dica! Beijinho*

    ResponderEliminar
  6. Óptimo aspecto!! Obrigada pela dica Vânia, vou experimentar ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Mas que bela ideia, vou começar a adoptar :)

    ResponderEliminar
  8. Vou experimentar fazer. A única cena que acho que vou mudar é o grego, apesar de perceber a parte da consistência (mas é tão gorduroso!); o que me faz mais confusão é usar-se/misturar-se iogurte e leite...o leite é só para misturar as sementes?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Grego com redução de gordura não é tão calórico, mas uma coisa importante a reter na alimentação saudável é que mais do que pensarmos em calorias devemos pensar em dar uma boa dose de energia e substancia ao nosso corpo, como estamos a falar da primeira refeição do dia é importante que ela seja rica em vários nutrientes, e se tiveres uma alimentação cuidada e exercicio não é o grego matinal que vai fazer mal :-)
      O leite serve só para preparar a aveia, mas podes fazer com água:-)

      Eliminar
    2. É bem verdade o que dizes! :)*

      Eliminar