Eastern Asia











 






Tenho a dizer que a última foto está uma verdadeira ternura, e todo o trabalho está muito bem captado. Adoro os tons e os momentos captados. Trabalho do inglês Rob Lutter, vale a pena verem o portfolio dele.

DIY - Toalha de mesa colorida









Nesta altura de tanta contenção a minha sugestão vai para criarmos as nossas próprias toalhas de mesa. Esta foi inspirada em confetes e é ideal para quem tem miúdos, ou então para quem gosta de muita cor à mesa, mas podem e devem experimentar outras formas e dar largas à imaginação.

Para este DIY vão precisar:
1 Toalha Branca
Tintas para Tecidos
Pincéis
Cartolina Branca
1 furador em forma de círculo (encontram em papelarias ou grandes superfícies e há várias formas à escolha)

1- Cortar 4 cartolinas em forma de quadrado e furar o centro com o furador de círculos. 
2- Colocar cada tinta num prato e pintar a zona recortada da cartolina por cima da toalha. 
3- Pintar com várias cores diferentes até ter uma bonita composição.
4- Deixar secar e voilá uma toalha divertida!


LiShop App





Hoje em dia com a crise em que vivemos é fundamental poupar nas mais diversas situações, e uma das coisas onde acabamos por gastar mais dinheiro é exactamente no supermercado. Há muito tempo que uso listas antes de ir às compras, não só garanto que não me esqueço de nada como evito comprar coisas desnecessárias, por isso sigo sempre a minha lista à risca e é muito raro quando trago algo fora do pretendido. Esta é uma excelente forma de controlar o orçamento familiar, e por isso a aplicação LiShop é uma verdadeira ajuda para quem vai às compras.

É verdade que existem imensas aplicações de listas, mas desde que uso esta deixei por completo o papel e a caneta. Não é a aplicação mais bonita que existe mas também não tem que ser, o esperado é que seja funcional e isso é bastante. Para além disso está em português, tem uma navegabilidade muito acessível, permite adicionar exactamente as quantidades que desejamos e o melhor de tudo é gratuita.



New loves in my closet



Camisolas Rosa e Creme | Camisola Cinza | Camisola Renda Creme | Casaco Malha | Sapatos | Skinny Jeans Pretas |

Já fiz estas compras há umas semanas mas ainda não usei nada porque o tempo andou frio e estas malhas são óptimas para a Primavera. Mas agora que o calor começa a espreitar está na altura de as levar a passear e vão-me certamente fazer companhia em Madrid.

Raspberry Cheesecake









Base:
250 grs de bolacha a vosso gosto (maria, digestiva, etc...)
90 grs de manteiga


Recheio
7 folhas de gelatina incolor
350 grs de queijo creme
220 grs de açúcar
2dl de leite
2 dl de natas
1 casca de limão
2 ovos


Cobertura
185 grs de framboesas congeladas
100 grs de açúcar granulado
1 colher de sopa de amido de milho
125 ml de água


Como fazer a base

Triture as bolachas e misture muito bem com a manteiga. Depois dos dois ingredientes bem misturados, coloque na forma e pressione uniformemente até cobrir toda a forma. Coloque no congelador.


Como fazer o recheio

1. Demolhe as folhas de gelatina num recipiente com água fria. Leve o leite ao lume com a casca de limão e deixe levantar fervura,

2. Bata o açúcar e as gemas e vá adicionando o leite em fio mexendo sempre. Leve este preparado ao lume, mexendo sempre e tendo o cuidado de não deixar ferver. Retire do calor e adicione as folhas de gelatina, mexa bem para que se dissolvam. Deixe arrefecer.

3. Batas as natas em chantilly, as claras em castelo e junte-as misturando com cuidado. Quando o creme estiver frio adicione o queijo creme e o preparado de natas envolvendo bem e verta para cima da base de bolacha. Leve ao frigorífico para solidificar um pouco. (+- 3 horas)



Como fazer a cobertura

1. Coloque o açúcar e o amido de milho numa panela e cozinho em lume médio, adicione a água e mexa bem.

2. Esmague as framboesas congeladas e coloque na panela até ferver, vá mexendo. Retire do lume e deixe arrefecer completamente.

3. Retire o bolo do frigorífico e espalhe a cobertura, se quiser decore com framboesas frescas e volte a colocar no frigorífico durante uma hora.

Bon appetit



5 sonhos que vagueiam pela mente


Parece que cada vez é mais difícil sonhar, atam-nos os pés e as mãos e deixam-nos quase sem nada para podermos concretizar os nossos sonhos. Não é fácil olhar para o futuro e ver uma luz ao fundo do túnel e é cada vez mais comum acreditarmos que o momento em que vivemos só
vai piorar.

A esperança está a perder-se, somos simples marionetas num jogo de interesses mundiais, onde só nos movemos porque alguém quer e assistimos a isto impotentes. O mundo à nossa volta está a ruir, querem roubar-nos os sonhos, mas por mais difícil que as coisas pareçam, eu luto e esforço-me todos os dias para mais depressa ou devagar ir tentando concretizar alguns dos meus pequenos sonhos.

Portanto resolvi fazer uma lista de cinco sonhos que adoraria realizar.

1 - Ir à Argentina. Tenho um fascínio incrível por este país. Adorava conhecer Buenos Aires, dançar um Tango, ir até à Patagónia e à Terra del Fuego onde supostamente termina a Terra.

2 - Viver em Berlim. Esta já não é novidade para ninguém, Berlim está no meu coração desde que lá estive.

3 - Ser proprietária de um bistrô onde se serviriam apenas produtos biológicos nacionais. As compotas e o pão caseiro seriam o forte.

4 - Poder assistir à descoberta da cura do Alzheimer

5 - Envelhecer ao lado da pessoa que amo, conseguir ultrapassar maus momentos que possam surgir, e continuar a andar de mão dada na rua e com aquele olhar apaixonado mesmo depois de uma vida inteira juntos.

E por ai quais são os vossos sonhos?


Lovely Casio


Comprei-o na Terça e chegou ontem. Estou apaixonada pelo meu relógio.
Bom fim de semana

Weekend with a bit of color





 1. Copo | 2. Pratos | 3.Individuais | 4. Guardanapos | 5. Jarra para água | 6.Talheres



Este fim-de-semana vai ser recheado de amigos, jantares, muita conversa e com bom tempo à mistura, portanto nada melhor do que trazer as boas energias para a mesa e tornar os jantares coloridos, não só na  decoração como na própria comida. Brincar com as cores dos alimentos é do melhor que existe e torna uma refeição muito mais agradável. Divirtam-se e reponham baterias



Ai dói-me tudo


e portanto hoje estou toda entravada, não consigo levantar um braço e baixar-me para apanhar uma caneta torna-se um desafio tão complicado como partir uma parede de tijolos com a mão, tudo isto graças à aula de body pump que tive ontem, vá e se calhar à localizada e ao step de quarta, mas ontem parecia que o inferno tinha oficialmente chegado à Parede.

Tenho a sensação que a professora acordou súper bem disposta e pensou: "Oh que belo dia para torturar pessoas", e em vez de ir comer uma peça de fruta para aquilo lhe passar, decidiu mesmo deixar-nos com um andar estupidamente novo. A aula foi tão dura, que por momentos comecei a sentir-me na fila para o matadouro com um tipo a chicotear-me caso quisesse parar um segundo por já não aguentar com a barra de ferro.
E quando eu parava ou tentava aldrabar ela gritava :"VÂNIA ESTOU A VER-TE".

Enfim saí do ginásio a arrastar-me, cheguei a casa qual soldado derrotado no campo de batalha a gemer sempre que fazia um movimento e em vez do reconhecimento por ter estado a trabalhar para tornar os meus abdominais e glúteos mais duros que betão oiço do meu homem: "Estás toda dores hoje pareces uma velhinha"

Raios era tão mais feliz a fazer desporto no sofá (cuidado com essas mentes....)


Branding que inspira

























Cá está um projecto com tudo para ser bem sucedido. Maemo é um restaurante biológico gourmet em Oslo, e o design do espaço foi inspirado nas linhas rectas, de cores claras e formas harmoniosas tão características na arquitectura Escandinávia. Para completar a imagem do espaço, todo o branding foi pensado ao mínimo detalhe, cores contrastantes e que casam na perfeição, menus que se desdobram num jogo de desconstrução, e um logótipo simples e rectilíneo tornam este restaurante num espaço completamente perfeito e muito acolhedor. 

Trabalho da agência work in progress